domingo, junho 18, 2006

Triste vida a das Ruas

Estava a ler um blog que tem um nome assim um bocado para o grande e enquanto comentava um post sobre o novo look da avenida dos aliados lembrei-me de uma coisa, deve ser muito complicado ser rua em Portugal.

Se não, vejam só a vida de uma rua em Portugal:

- É construída;
- Chove e fica esburacada;
- Alguns dos seus buracos são remendados;
- Passam camiões e destapam os buracos, provocando também a sua expansão;
- Os buracos são tapados com areia;
- Volta a chover e a ficar esburacada;
- Voltam a alcatroar a rua toda;
- Esburacam a rua para meter a TvCabo;
- Remendam a rua;
- Chove e fica esburacada;
- Voltam a remendar a rua;
- Esburacam a rua para meter o Gás Natural;
- Voltam a tapar a rua;
- Rebentam o alcatrão todo e colocam nova camada direitinha;
...
e fica sempre a dúvida no ar, quanto tempo durará a nova camada?!

Já viram que raio de vida, já não bastava serem calcadas e calcorreadas todos os dias por um sem número de pessoas, veículos e animais, ainda são esburacadas a cada 6 meses para uma obra qualquer, acho que toda a gente já se perguntou porque raio é que não fazem tudo ao mesmo tempo? Esburacam uma vez metem logo a tralha toda e depois tapam direitinho!

Mas não, hão-de abrir cada rua pelo menos 4 vezes... deve ser para não lhes faltar trabalho...

3 comentários:

Pedro disse...

Devo fazer uma piada fácil com a associação das ruas a coisas frequentemente esburacadas?


Gostei da frase "deve ser chato ser rua" :P


PS: Golo do brasil, pumba.

SimNão disse...

Este blog é sério senhor Pedro. Vamos lá ver... mas se quiseres muito!=P

Eu até gosto do Brasil e tal e há brasileiras giras, mas não me apetecia que o Brasil fosse campeão outra vez...a repetição cansa...

Pedro disse...

Brasileiras ! Isso vem no seguimento da primeira parte do meu primeiro comentário, lá está.. :rolleyes: