quarta-feira, maio 04, 2005

Queima III - Os coitadinhos

Há pessoas de quem eu tenho mesmo pena...

Terça-feira de queima é e sempre foi, pode ser que um dia deixe de ser, a noite pimba talvez por isso (espero bem que não!!) ou por ser a noite do cortejo é sempre uma das noites de maior enchente no Queimódromo, toda a gente sabe isso toda a gente sabe que é alto filme andar de um lado para outro nas noites de maior enchente, é um dado adquírido. Ainda assim há pessoas que no meio do maralhal vão gritando "Ai! Eu odeio isto!", "Ai que isto tá com tanta gente, detesto estas confusões", "Ui! Que me estão a empurrar", etc... pois bem eu tenho pena dessas pessoas que, deduzo eu, foram obrigadas a ir à queima, que foram levadas para o recinto à força apenas para sofrerem os malefícios das multidões, que são obrigadas por terceiros a andarem aos encontrões, coitadas... ou então apenas tenho pena dessas pessoas pelo facto de não saberem à partida como é que está o Queimódromo nas terças-feiras pimbas.

E se odeiam porque raio não se vão embora?! Sempre era da maneira que aquilo ficava um pouco melhor para as outras pessoas que, não gostando daquelas sensações de sardinha em lata, não andam aos gritos a dizer o óbvio!

Simão

4 comentários:

weevil disse...

Comentário (sucindo, resumido, pequeno) dos últimos 3 posts:

1. Autocarros? Há algumas pessoas que se parecem mais com buldozers... E que o diga eu que sou alta e tal -__-
Um conselho a quem tiver mais de 1 metro e 70... OLHEM PARA BAIXO!!! asdasfgfgfgfg e já nem falo das pisadelas (depois da noite da Serenata já nem sinto os pés :P). Mas, a sério, tentem não abafar os mais pequenos (c0f, que vítima =P), especialmente em duas ocasiões: na entrada e no autocarro (este sim, o dos STCP, Linha Especial Queima - nem queiram saber o que tem de tão especial). Bem... no autocarro já acredito que seja impossível, mas à entrada ainda podiam ponderar na minha sugestão...

2. Eu acho que as pessoas que ficam (por obrigação - exclua-se aqueles que aterram em coma alcoólico) até às 7 da manhã no Queimódromo à espera que os venham expulsar, deviam aproveitar já que lá estão e limpar o recinto. Faziam bem e ocupavam o tempo.

3. Aqueles que vão para as noites da Queima a queixar-se (porque foram obrigrados violentamente a ir) deviam ser ostracizados e tal... (ponham-me na lista e tal :P).


É Jornalismo, lalalalalala, é Jornalismo, lalalalalala, é Jornalismo, la lala lala la!

weevil disse...

Já agora, têm passado os cartazes nos intervalos dos concertos? :P

Milocas disse...

E porque foi na queima que tive o prazer de te conhecer,embora em circustancias já menos brilhantes por parte de ambos (diga-se q o alcool tem destas coisas),queria apenas deixar aqui o meu simpático comentário, a que julgo ter direito(pois ando aqui a "brincar" com o contador), dizendo-te um honesto Parabéns Simão pela tua simplicidade *
És um "puto" engraçado (diga-se que a idade pra estes lados já passou da validade),continua assim.

Milocas disse...

Ah,já agora...quanto ao post em si,nao comento...
cof*cof* já nao tenho idade pra isto,e por norma evito meter-me em discussoes alheias. Lol :P